Search

Como viajar com milhas com economia

Olá, segue o post com todos os passos que temos seguido para viajar apenas com milhas e economizar nas passagens aéreas. Não existe fórmula mágica, no nosso caso é um mix de planejamento com antecedência, e paciência para aguardar as promoções!

Como viajar mais com milhas

Já expliquei para alguns amigos e vejo que as pessoas tem um pouco de dificuldade de entender como é possível viajar com milhas economizando.

Desde 2017, quando pagamos caro nas passagens para a Espanha, jurei que aprenderia a viajar somente com milhas, não foi difícil me dedicar, uma vez que amo todo assunto ligado a viagens.

Como viajar com milhas com economia


Há várias formas de acumular milhas e muitos especialistas no assunto. Embora eu não seja uma especialista, vou listar o que tem dado certo para nós, como conseguimos fazer 2 viagens internacionais + 2 viagens nacionais, por ano, somente com milhas.

1 - Concentramos os gastos da família em um único cartão de crédito


Antes cada um tinha um cartão de crédito. Essa foi a primeira dica que recebemos do gerente do banco, deixar um como titular, e outro como dependente. Desta forma, acumulamos em uma única conta, que emite as passagens para toda a família. Isso ajuda na emissão e aumenta o gasto médio do cartão, pagando menos anuidade. 

Nós usamos os cartões Ourocard Visa Infinite e Mastercard Black, que pontuam 2 pontos por dólar, e transferem para vários programas de fidelidade através da Livelo (programa de pontos dos cartões do Banco do Brasil e Bradesco).

Qual o melhor cartão? Para mim é aquele que rende o máximo de milhas, sem pagar anuidade rsrs.
Há várias opções de cartões no mercado. Vejam o ranking publicado pelo Melhores Destinos:
Melhores cartões de crédito para acumular milhas

2 - Aumentamos os gastos no cartão de crédito


A primeira sugestão todo mundo sabe, pague tudo no cartão de crédito. Para aumentar os gastos usamos aplicativos de celular para pagamento de boletos com cartão de crédito: PicPay, RecargaPay,  Mercado Pago, e Ame Digital.

Pagamento de boletos com cartão de crédito


PicPay - a taxa é fixa de 2,99%, usamos quando recebemos aviso de cashback pelo app (crédito de volta). O PicPay também permite que você pague, com cartão de crédito, outro usuário do PicPay até R$ 800,00 por mês, sem taxa, e quem recebe pode transferir para conta corrente, sem custo. Então duas pessoas da família já podem garantir R$ 1.600,00 por mês de gastos no cartão de crédito.

Mercado Pago - não cobra taxa até R$ 1.000,00, cobrando 2,99%  no que exceder esse valor. Também permite que você pague, com cartão de crédito, outro usuário do Mercado Pago, até R$ 270,00 por dia, sem taxa, até o limite de R$ 1.900,00 por mês. Para transferir para conta corrente tem o custo de R$ 3,00.

RecargaPay - não cobra taxa até R$ 1.000,00 por mês, acima disso cobra 2,49% por transação, e tem que ficar atento porque o app mostra como padrão pagamento em 3x com juros.

Ame Digital - não cobra taxa, o limite para pagamento é de R$ 5.000,00, mas não aceitam boleto comum, somente contas de serviços (água, luz, gás...) e tributos.


O Km de Vantagens do Posto Ipiranga também é uma forma de acumular pontos na Latam Pass, mas não usamos com muita frequência.

3 - Ganhamos milhas nas compras em lojas virtuais


Tanto a Livelo, quanto a Latam Pass, tem promoções de tempos em tempos em lojas virtuais, na proporção de 10x1 ou mais, ou seja, para cada 1 real gasto, você ganha 10 milhas. Concentre suas compras digitais durante essas promoções em lojas virtuais como Netshoes, Centauro, Casas Bahia, Magazine Luiza, Ponto Frio... 

Como saber das promoções 10x1? Pelo app da Latam Pass, app da Livelo, pelos stories do nosso Instagram @descansanavolta, e pelos sites especializados:

Passageiro de Primeira  |  Melhores Destinos  |  Meu Milhão de Milhas  |  Milhas e Destinos

4 - Assinamos os Clubes Smiles, Latam Pass e Livelo


Assinamos alguns clubes para acumular mais pontos e participar de promoções exclusivas. Atualmente temos os seguintes clubes (somente o titular do cartão de crédito):

  • Clube Smiles 1.000 - custa R$ 42,00/mês, e rende 1.000 milhas/mês. É o mais barato, e suficiente para participar das promoções, e emitir com milhas reduzidas.
  • Clube Latam Pass 1.000 - custa R$42,90/mês, rende 1.000 milhas/mês, e dá 10% de bônus nas transferêncas (inclusive nos acúmulos das lojas virtuais do item 3). Já tivemos o Clube Latam Pass 10.000 por um período (para aproveitar o bônus de 30%), mas voltamos para o mais barato. A mudança de planos só conta a partir da data de vencimento do plano.
  • Clube Livelo 7.000 - custa R$ 229,00/mês (nosso plano é antigo) e ganha 7.000 milhas/mês. Assinamos esse porque existem promoções exclusivas para os clubes 7.000 e 20.000. 

Vale a pena assinar os clubes? Depende da sua frequência de viagens e do seu acúmulo mensal de milhas. Se você consegue juntar milhas suficientes para suas viagens, então não vale a pena gastar com isso. Se você é Smiles Diamante não vale a pena assinar o Clube Smiles.

5 - Compramos milhas se for necessário


Mesmo seguindo os passos anteriores, as milhas acumuladas nem sempre são suficientes para as nossas viagens. Somos três e nossa média tem sido 2 viagens internacionais + 2 viagens nacionais, por ano. O mais difícil é acumular para os 6 bilhetes ida e volta para o exterior.

Como saber se precisa comprar milhas? É só observar quantas milhas você acumula por mês, e fazer uma projeção se serão suficientes até a data da emissão. Considero a data da emissão como 330 dias antes da viagem.

Quando comprar milhas? Sempre esperamos as promoções de compra de milhas com 50% de desconto na Livelo. Compro em média 150.000 milhas Livelo por ano nessas promoções. Prefiro milhas Livelo porque ainda ganho bônus nas promoções de transferências. Clientes do Clube Livelo tem disponível a cada 4 meses, um lote extra de compra de pontos com 50% de desconto. Para o Clube Livelo 7000 o lote é de 10.000 pontos por R$ 350,00.

Já compramos uma vez, para completar uma emissão, em uma promoção com 60% de desconto na Latam Pass.
Uma outra forma de "comprar" milhas pelo site da Latam Pass é a função Multiplica, onde é possível multiplicar por 0,25 a 2, suas transações dos últimos 30 dias. Custa 35 o milheiro, e parcela em até 10x sem juros. Não é barato, mas pode ser útil para completar uma emissão com urgência.

6 - Definimos o destino da viagem com antecedência e para qual programa transferir


Do item 1 ao 5 estamos apenas  juntando milhas, agora vamos às viagens! Todo o planejamento depende do destino da viagem, não adianta focar em um único programa se este não emite, ou cobra muito caro, para o destino que você quer viajar.

No nosso caso, temos escolhido entre Latam Pass, TAP Miles&Go, ou Smiles:

Definimos o destino com aproximadamente 2 anos de antecedência, pesquisamos no site Skyscanner.com.br quais são os melhores voos/cias aéreas para o destino. Coloco sempre o nome da cidade, para retornar todos os aeroportos. É possível pesquisar a ida por uma cidade e a volta por outra (opção Várias Cidades).

Então pesquisamos em que programa é possível emitir esses voos, com menos milhas. Ou seja, qual programa "gastará" menos milhas Livelo, já que os bônus de transferências tem variado.

Exemplo: Rio de Janeiro - Paris (ida e volta): 

- Latam Pass 82.200 pontos - com bônus de 69% precisa transferir 49.000 pontos Livelo. 
- Smiles 155.500 pontos - com bônus de 100% precisa transferir 78.000 pontos Livelo
- TAP Miles&Go 102.500 - com bônus de 100% precisa transferir 52.000 pontos Livelo

Ou seja, nesse caso, sairá mais "barato" transferir para a Latam Pass. 

Verifique também o valor total das taxas para emissão, algumas cias aéreas cobram "taxa de combustível".

Smiles e Latam Pass tem tabela variável para emissão. A TAP Miles&Go tem tabela variável para voos TAP, e tabela fixa (não sabemos por quanto tempo) para as cias áreas da Star Alliance. As melhores emissões são para América Central (60K econômica, 90K executiva, ida e volta), e América do Norte (Canadá, EUA, incluindo Havaí, por 70K econômica, 100K executiva, ida e volta). Consulte a tabela completa em: Reservar com milhas TAP Miles&Go

Caso não consiga pesquisar voos da Star Alliance no site da TAP, leia esse passo a passo:

7 - Esperamos as promoções de bônus de transferência do cartão de crédito 


Definido o programa que receberá as milhas do cartão de crédito, no nosso caso, Latam Pass, TAP, ou Smiles. Aguardamos uma promoção de bônus de transferência do cartão de crédito, por isso é importante ter antecedência, para ter a tranquilidade de aguardar as promoções.

Smiles: Aguardamos as promoções de 100% de bônus na transferência. Como os bônus do Smiles tem validade de 6 meses, eu só transfiro se tiver uma emissão muito próxima, ou para quitar um Viaje Fácil, que é o famoso "fiado do Smiles", onde reservamos as passagens sem ter as milhas, tendo até 60 dias antes do voo para quitar, custa R$ 120,00.

Latam Pass: As últimas promoções Bumerangue tem bônus final de 69% (Clube Livelo + Clube Latam Pass 1.000) a 100% (Clube Livelo + Clube Latam Pass 10.000). Os bônus tem validade de 2 anos. Atenção ao limite de bônus mensal permitido pelos Clubes Latam Pass, só vale a pena transferir até 100.000 pontos por mês, acima disso você não receberá todo o bônus. O limite mensal zera a cada data de vencimento do seu plano.

TAP Miles&Go: Aguardamos as promoções de 100% de bônus na transferência. Os bônus tem validade de 1 ano. 

8 - Hora da emissão a partir de 330 dias da viagem


Nesse momento, já temos noção de quanto vamos precisar de milhas para emitir, e já temos todos os pontos disponíveis no programa escolhido. Normalmente emitimos assim que abre a data, com aproximadamente 330 dias da viagem.

Antes de emitir, ordenamos por duração do voo e valor em milhas, para ver as melhores opções. Ninguém merece voos longos e cansativos, principalmente com crianças! Esse é outro ponto positivo de emitir com antecedência, conseguir os melhores voos.

Para voos em alta temporada, ou com pouca disponibilidade, às vezes é necessário emitir a ida, quando abre a disponibilidade, e depois a volta, em reservas separadas. Isto porque, se esperarmos abrir a volta, perderemos a ida.

Mesmo se você não transferiu para o Smiles, ele será uma opção de emissão, devido ao Viaje Fácil, que já expliquei acima, você emite sem ter as milhas.

Se achou a passagem, emita logo! De uma hora para outra tudo pode mudar, o valor em milhas pode subir ou a disponibilidade desaparecer.

Por aqui vivemos um ciclo sem fim: planeja, acumula milhas, emite, planeja, acumula, emite... rsrs

Seguem exemplos das últimas emissões que fizemos com milhas:

2018 - João Pessoa - ida Latam Pass, volta Smiles
2018 - Portugal - TAP Miles&Go
2018 - Nova York - TAP Miles&Go
2018 - Natal e Pipa/RN - Latam Pass
2019 - Cancun - ida Amigo de executiva (programa extinto da Avianca), volta Latam Pass
2019 - França - Latam Pass
2019 - Fernando de Noronha - Smiles
2020 - Porto Rico (cruzeiro pelo Caribe) - TAP Miles&Go (executiva)
2020 - Caldas Novas - Smiles
2020 - Itália - Latam Pass

Tem risco? Já deu errado alguma vez? Sim. Tentamos emitir para França em julho/2018, com milhas TAP, e não conseguimos, trocamos para Nova York. Só conseguimos ir para França em 2019, com milhas Latam Pass. Essa é outra dica: seja flexível!

Para voos nacionais fique atento às promoções de fim de semana (Mega Promos), nem sempre vale a pena usar milhas, sempre compare o preço antes de emitir com milhas.

Acesso às salas VIP com cartões Ourocard Visa Infinite


Titulares e adicionais dos cartões de crédito Ourocard Visa Infinite tem direito a até 2 visitas gratuitas por ano em diversas salas vip ao redor do mundo. Nas salas o atendente passará o cartão na máquina de POS e será agendado o pagamento da taxa de visitação, de US$ 27. O lançamento do pagamento será informado ao cliente por SMS ou notificação no app BB. No entanto, a cobrança será isentada e não será lançada na fatura. O cartão deverá estar ativo na função crédito, com limite disponível e habilitado para compra no exterior. O benefício promocional válido até 31/12/19.
Link para se cadastrar e consultar as salas VIP: loungekey.com/pt/ourocardvisainfinite

Acesso à sala VIP Mastercard no aeroporto de Guarulhos


Clientes Mastercard Black que embarcam em voos internacionais no aeroporto de Guarulhos/SP, possuem acesso à sala VIP Lounge, localizada no terminal 3. O acesso é gratuito para o portador do cartão (titular ou adicional), e dependentes diretos com até 16 anos. Acompanhantes (limite máximo de 3 pessoas por cartão e portadores de cartões emitidos em outros países) pagam R$ 130 por pessoa.
Horário de funcionamento: das 6:00 a.m. às 11:30 p.m.


Obrigada a todos os "milheiros" que compartilham seus conhecimentos e que nos incentivam sempre!

Vou atualizando este post com as novidades, espero que essas dicas ajudem vocês a viajar mais!

Leia também:

Como saber de promoções de passagens e onde pesquisar preços

Gostou das dicas e vai viajar?

Seguem os links dos nossos parceiros:

Até o próximo post!

20 comentários

  1. Eu só usei milhas uma vez porque, sobretudo na Europa, o valor das taxas é superior ao valor do mesmo voo, numa companhia low cost. Mas gostei das suas dicas, juntar tudo num cartão é inteligente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente para voos internos as cias low cost são uma ótima opção. Saindo do Brasil é que complica. Que bom que gostou das dicas! Abraços.

      Excluir
  2. Muito boas as suas dicas para viajar com milhas, eu também junto os gastos de todo mundo no mesmo cartão de crédito hehehe bora viajar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bora viajar!!! Com as passagens aéreas caríssimas e a gente se "vira nos 30" hehehe.

      Excluir
  3. Melhor coisa é se planejar e usar as milhas. É uma ótima economia. Já estou seguindo todos os passos indicados aqui no post. Bom sinal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Tomara que te ajude como nos ajudou por aqui! Boas viagens!

      Excluir
  4. Nossa, muito obrigada! Eu tava totalmente perdida (e fazendo tudo errado) pra viajar com milhas. Adorei o post, muito bom mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, tomara que te ajude também! Dá trabalho mas vale a pena! Bjs

      Excluir
  5. Muito boa suas dicas, eu ultimamente tenho viajado somente com milhas. Comprar qualquer coisa no débito não existe mais na minha vida hahaa. Onde posso conseguir milhas estou indo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comprar no débito nem pensar por aqui também rsrs. Tudo pelas milhas! Até dentista pagamos no cartão de crédito!

      Excluir
  6. Muita dica aí sobre milhas que eu não sabia, obrigada pelo post super completo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado das dicas! Obrigada! Abraços!

      Excluir
  7. Eu amo viajar com milhas. Já fui à varios lugares de “graça” usando milhas. Fico sempre cuidando as promoções de milhas para poder viajar mais! Adorei o post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que maravilha, isso aí! Vamos continuar de olho nas promoções para continuar viajando! Obrigada, que bom que gostou! Abraços!

      Excluir
  8. Bem legal esse post sobre como viajar com milhas. Acho que os clubes de milhas valem muito à pena. Também assino alguns. Gosto da Livelo porque já achei ótimas passagens por lá!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Sim, os clubes valem a pena para quem precisa acumular mais milhas, e participar de promoções exclusivas. É como "comprar" milhas parceladas, rs. Abraços.

      Excluir
  9. Muito econômico mesmo, boas dicas para mesmo com milhas conseguir uma bela economia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Temos economizado bastante nas passagens aéreas, ainda mais que somos três! Bjs

      Excluir
  10. acumular milhas no cartao eh o melhor segredo, so precisa avaliar qual é o melhor, pois alguns tem pontos a mais dependendo da companhia ne!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No link que eu deixei no post tem esse comparativo de cartões de crédito, o problema é o valor da anuidade. Aqui só vamos até onde a anuidade é grátis, rsrs, uma dica é conversar com o gerente do banco para ver as opções. Boas viagens!

      Excluir